• Carlos MSilva

Uma dica -» Falar Pela Positiva e pela Negativa

Atualizado: 26 de Nov de 2019

Coach!

Hoje trago-te um tema curto e rápido, mas fundamental na nossa comunicação.


Como treinador devo falar pela negativa ou falar pela positiva?



A verdade é que a forma como falamos influencia o estado motivacional do atleta.

Isto quer dizer que podemos dizer uma frase de forma negativa e criar um estado emocional negativo ou podemos falar pela positiva e criar um estado emocional positivo no atleta que está a receber a minha trasmissão.


Repara no seguinte vídeo:


Durante muito tempo na nossa infância, ouvimos os nossos pais a dizer "não faças isto podes te magoar", "não faças aquilo, que é feio"... mas se quisermos aprofundar mais para o treino, temos a tendência para dizer aos nossos atletas: "não percas a bola que sofremos golo", "não podes fintar nesta zona que assim perdemos a bola"...

E assim, vamos dizendo aos nossos atletas algo que poderíamos dizer da mesma forma mas de uma forma mais positiva.


Mas porquê mais positiva?

Porque agora existe a psicologia positiva e temos de falar bem com as crianças, jovens e com os colegas?


Não, não é por isso.

É antes pelo estado emocional que estamos a deixar a pessoa após acabarmos a frase. Isto é o quê? É que quando eu digo a um atleta "não podes fintar nesta zona que assim perdemos a bola"... qual é o estado emocional que ele fica após eu acabar a minha frase?

Altamente motivado para não fintar ali? Ou será que fica ligeiramente resignado porque se errar pode ser acusado de um erro, ou será que fica remoído e orgulhoso para mostrar ao treinador que ele não tinha razão?


Provavelmente a forma como falamos pela negativa não só deixa um estado emocional negativo que não leva o atleta a estar disponível para mudar o comportamento como também existe um processo neurológico que dificulta a compreensão da mensagem negativa.


Mas o que é esse processo neurológico que dificulta a compreensão da mensagem negativa?

É um princípio da Comunicação Inconsciente que diz que o nosso Inconsciente não ouve a palavra NÃO. Isto na prática revela o seguinte: NÃO PENSES NUMA MAÇÃ!

Provavelmente imaginaste uma maçã para conseguires ler e assimilar o que eu estava a falar.

Então, quando existe um NÃO numa frase, nós vamos imaginar o que está na frase sem o NÃO, e neste caso é PENSES NUMA MAÇÃ.


Mas até aqui não há problema, o problema é quando dizemos ao atleta "NÃO PERCAS A BOLA NESTA ZONA," e de repente ele perde a bola a seguir a dizermos isto... E nós treinadores dizemos, eu não disse...


A verdade é que se o Inconsciente não lê o NÃO, o que o atleta interpretou foi "PERCAS A BOLA NESTA ZONA", e foi o que ele imaginou, tal como imaginamos a MAÇÃ.


A solução seria, dizer o que se quer a seguir ao que não se quer:

NÃO PENSES NUMA MAÇÃ! PENSA NUMA PÊRA!

"NÃO PERCAS A BOLA NESTA ZONA, MANTÉM A BOLA EM SEGURANÇA PASSANDO AO COLEGA!"


Mariquices à parte, diria que esta é uma das ferramentas mais práticas de comunicação que se pode desde já fazer mudanças para melhor.


Boas aprendizagens na prática.

Um abraço, Carlos MSilva


---

Aulas Gratuitas em www.treinadorpro.com

recebe no teu email mais aulas de forma gratuita

 ​© 2007-2020 by Carlos MSilva | 10 Anos de Treino | Formações | Coaching | Experiência Prática. All rights reserved.

ccmset@gmail.com | http://treinadorpro.com | Estoril-Lisboa | Portugal